Horário de atendimento da AME-SPM: 09:30 à 12:30, 13:30 à 17:30

APÓS ANALISE DA FINDECT E DA FENTECT, CORREIOS APRESENTA MINUTA COM PROPOSTA DA ECT PARA O ACORDO COLETIVO 2016/2017

Notícia publicada em 19/09/2016

Depois de mais de 12 reuniões de negociação, com muito empenho e insistência do SINTECT-SP e da FINDECT, a ECT apresentou uma proposta possível de ser apresentada para análise da categoria.

banner_ame_spm_apos_analise_ect_proposta_minuta_act_2016_2017

No início das negociações a empresa apontou para reajuste abaixo da inflação (6,74%) e retirada de direitos históricos dos ecetistas, conquistados em lutas heróicas e muito difíceis. A rejeição e a insistência do Sindicato e da Federação, e sobretudo o repúdio e a demonstração de força e disposição da luta da categoria, a fizeram recuar.

A presente proposta tem méritos a serem considerados, principalmente em vista da atual realidade política e econômica vivida no país. Por isso a Diretoria orientará a categoria a aceitar a proposta da empresa na assembleia do dia 14 de setembro.

O principal deles está no âmbito econômico. A proposta prevê reajuste de 9%, portanto acima da inflação de 8,74%. Além disso tem e incorporação da parcela atrasada e futura da GIP, o que representa ganho real nos salários, uma vez que tal incorporação incidirá sobre as gratificações, adicionais e anuênios. Frise-se que o reajuste será aplicado aos salários após a incidência da GIP, o que representa maior ganho para os trabalhadores. Para os demais benefícios a proposta é reposição integral da inflação, de 8,74%.

Na parte social, o mérito está na MANUTENÇÃO DE TODAS AS CLÁUSULAS do atual Acordo Coletivo. O que não é pouco, frente aos ataques antes anunciados. O destaque fica para a cláusula do Convênio Médico, que fica mantida na íntegra, com garantia de manutenção dos dependentes, inclusive Pai e Mãe. Haverá a constituição de uma comissão paritária para estudar melhorias no plano médico, MAS NENHUMA MUDANÇA PODE SER REALIZADA SEM APROVAÇÃO DA CATEGORIA EM ASSEMBLEIAS.

A diretoria do Sindicato e seu Departamento Jurídico analisaram minuciosamente, cláusula por cláusula, a minuta disponibilizada pela empresa. As inconsistências encontradas na redação de algumas cláusulas foram discutidas com a Direção dos Correios e devidamente corrigidas conforme a visão dos trabalhadores.

Para a Diretoria do Sindicato, esta proposta, construída com muito esforço nas negociações e com a mobilização da categoria é resultado da ampla mobilização dos trabalhadores em todo país. Clique aqui e leia a minuta do Acordo Coletivo 2016/2017.

Confira a proposta construída pelas Federações (FINDECT E FENTECT) e Correios:

Incorporação TOTAL da GIP em agosto/2016 - R$ 50,00 reais - Incorporação ao salário base com efeito retroativo a maio 2016. - R$ 100,00 reais - Incorporados ao salário base à partir de agosto 2016. Após a incorporação, será concedido o reajuste salarial nos seguintes percentuais: - 6% a partir de agosto/2016 - 3% a partir de fevereiro/2017 (Antes do percentual, haverá a incorporação de mais R$ 50,00 da GACT em janeiro de 2017) Reajuste nos benefícios em 8,74% (veja como fica) ame_tabela_manutencao_beneficios_analise_proposta_empresa_13_09_2016

Manutenção integral de todas as cláusulas do ACT atual.

Manutenção do Vale Cultura e do Vale Peru Convênio Médico: Manutenção da cláusula atual, em sua integralidade, inclusive com a manutenção dos dependentes, inclusive Pai e Mãe, com constituição de uma comissão paritária para estudar melhorias, sendo que nenhuma modificação será implantada sem a aprovação dos trabalhadores em assembleias.


Compartinhe esta notícia:



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment

You may use these tags : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Voltar ao Topo